Nosso Blog

Descubra sobre sua Marca

Como construir um negócio digital: dicas para começar a vender online

Como construir um negócio digital: dicas para começar a vender online

Foi preciso que o mundo enfrentasse uma pandemia para que muitas empresas - finalmente - entendessem a importância de investir em um negócio digital. Isso porque, com as regras de isolamento social, os consumidores mudaram não apenas suas rotinas de trabalho e lazer, mas também seu comportamento na hora de fazer compras.

Fundamental para respeitar o período de distanciamento, o comércio eletrônico registrou aumento entre os mais diversos marcadores sociais como idade, sexo, classe social, região do país e grau de instrução. Isso mostra que, muitas pessoas passaram a dar “uma chance” para compras online, incluindo aquelas que tinham alguma resistência. 

Por isso, se você tem já tem ou quer ter uma empresa e sabe a importância dos negócios digitais para evitar a queda das vendas e também para o sucesso da sua marca, entenda abaixo o que você precisa fazer para se adequar a essa nova modalidade de consumo e continuar lucrando mesmo diante de uma crise.

 

Como começar seu negócio digital

  • Entenda onde está seu público e comunique-se com ele

Se você já tem em mente quais são seus valores, seus objetivos e a sua identidade, chegou a hora de entender onde está o seu público. É claro que é importante ter uma forte presença digital em canais diversos, mas é mais estratégico concentrar esforços onde pode render melhores resultados. Por isso, se for possível, comunique-se com seus clientes para entender quais plataforma eles mais usam. Além disso, garanta que eles fiquem sabendo do seu novo formato de vendas para que eles continuem comprando seus produtos ou serviços.

  • Solicite o registro de marca no INPI

Perante à lei, somente o certificado de registro de marca concedido pelo INPI (Instituto Nacional da Propriedade Industrial) é capaz de assegurar os direitos de uma empresa e de protegê-la da concorrência desleal dentro e fora da internet. Para obter o registro, é preciso abrir um pedido e aguardar a análise do Instituto, que costuma levar meses. O mais indicado é contar com a ajuda especializada de uma empresa experiente em registro de marcas, como a Move On, que facilita o processo e evita possíveis entraves.

Leia Também: Entenda a importância de proteger sua marca na internet

 

Como vender online

  • Escolha uma plataforma de venda

Uma dica para quem ainda não tem uma loja virtual é considerar o uso de pelo menos uma plataforma de vendas disponíveis no setor. Alguns exemplos de ferramentas que podem te ajudar a fazer negócio são Ebanx Beep, Shopify, Loja Integrada e Nuvemshop, já que permite que você crie um e-commerce em poucos passos. Além disso, também vale investir nas vendas através das redes sociais, como Instagram Shop e Zap Commerce.

  • Use as redes sociais para divulgar a sua marca

Enquanto as plataformas permitem que você comercialize na web seus produtos ou serviços, as redes sociais são ótimas aliadas para a divulgação da sua marca. Pelo WhatsApp, por exemplo, você pode criar uma conta comercial para se comunicar com seus clientes. Já o Instagram e o Facebook funcionam como ótimas fontes de divulgação e também ajudam a despertar o desejo e interesse por parte dos consumidores. 

  • Evite estratégias muito caras

Se você está começando a “digitalizar” a sua empresa, saiba que você pode e deve ir com calma. Isso porque, especialmente durante uma crise, não é hora de pensar em crescimento exponencial e nem em estratégias que exijam um investimento muito alto. Você pode começar suas vendas sem grandes gastos, focando apenas naquilo que for mais essencial para o seu tipo de negócio. Aproveite e entenda como investir no trabalho de branding.