Nosso Blog

Descubra sobre sua Marca

KPI: como definir os indicadores de desempenho

KPI: como definir os indicadores de desempenho

Após uma campanha, ação, lançamento de produto ou novo negócio, é muito importante monitorar o andamento do projeto para saber se o resultado está sendo satisfatório. Conheça mais sobre o que é e como definir os indicadores de desempenho, os famosos KPI’s.

 

O que é KPI?

O KPI é uma sigla em inglês, que significa Key Performance Indicator e pode ser traduzida como Indicadores-Chave de Performance. Ou seja, são dados, métricas, informações que você escolhe para avaliar algum processo dentro do seu negócio. Assim, é possível saber se as metas estão ou não sendo atingidas.

 

É importante ressaltar que cada KPI vai depender do seu objetivo e planejamento, já que essas métricas são escolhidas de acordo com a sua necessidade e finalidade. Dessa forma, um erro muito comum na hora de fazer um planejamento e definir o KPI é a seleção desse parâmetro, pois muitas vezes, as empresas buscam números que não são os corretos. Até por isso, é válido conhecer alguns dos KPI’s.

 

Quais os principais tipos de KPI?

 

São muitos os modelos de KPI, que podem ser definidos de várias maneiras. O importante aqui é saber que há diferentes tipos e que você pode usar cada um deles de acordo com a sua expectativa e relevância dos resultados. Confira:

 

KPI’s de Capacidade

 

Os KPI’s de capacidade medem o quanto uma empresa é capaz de produzir algo em um determinado período. Os indicadores de capacidade mostram o quanto uma empresa é capaz de produzir em um determinado tempo.

 

É necessário que eles andem junto também com os KPI’s de produtividade e qualidade, já que eles conseguem mostrar a força e o desempenho da empresa. Alguns deles são:

 

  • Produtos produzidos por hora;
  • Número de clientes atendidos por mês.

 

KPIs de Produtividade

 

Os tipos de KPI de produtividade são muito utilizados na gestão dos negócios e finanças. O objetivo desses indicadores é avaliar a eficiência dos processos e como eles impactam na parte financeira da empresa, sendo possível avaliar como os recursos são usados na produção.

 

  • Capacidade de produção;
  • Custo de aquisição por cliente;
  • Taxa de conversão;
  • Custo por Lead.

 

KPI’s de Qualidade

 

O KPI de qualidade serve para analisar e detectar qualquer tipo de imprevisto, falha ou erro que tenha ocorrido durante a produção. Com esses dados, é possível melhorar os resultados e, principalmente, a qualidade do serviço.

 

  • Eficiência;
  • Efetividade;
  • Eficácia.

 

KPI’s Estratégicos

Com um foco na situação da empresa em relação às metas e objetivos definidos, temos o KPI estratégico. Para se chegar até esse resultado, são feitos estudos sobre o mercado, situação da empresa no setor, avaliação dos concorrentes, tudo para que o negócio tenha sempre o melhor desempenho.

 

  • Ticket médio;
  • Percentual de lucro;
  • Margem de crescimento mensal.

 

Como definir o KPI correto?

Cada um desses KPI’s apresentados possuem uma função importante dentro da empresa, com tantas opções e possibilidades, surge aquela dúvida: como definir o KPI correto para a minha empresa? Confira alguns pontos a avaliar para fazer a escolha ideal:

 

  • Relevância: escolha números relevantes. Um exemplo comum é mostrar curtidas, compartilhamentos, mas que podem não refletir no aumento das vendas das suas lojas ou dos serviços. Pode ser até bonito de ver, mas, no final, não muda no crescimento financeiro da empresa;
  • Tomada de decisões: os KPI’s devem ajudar a sua empresa a dar o próximo passo, a tomar decisões. Afinal, é para isso que, basicamente, eles servem. Medir resultados e indicar um caminho a ser seguido, após a sua análise.
  • Análise dos números: essas avaliações do desempenho devem ser constantes, detalhadas,aprofundadas, bem completas. Se você não fizer, dificilmente fará a avaliação correta.
  • Disponibilidade de dados: escolha quais KPI’s que podem ser avaliados. Você só consegue analisar algo que seja “palpável”. Não tem como quantificar leads, por exemplo, se eles ainda não existirem. É preciso gerá-los para fazer o estudo.

 

Os KPI’s são importantes ferramentas para a sua empresa e que ajudam no crescimento do seu negócio. Assim como esses indicadores, fazer o registro da sua marca é um processo essencial para uma companhia.

 

Esse processo é feito junto ao Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI) e evita que a sua marca seja usada de forma ilegal por terceiros, dando mais segurança ao seu negócio. 

 

Nesses casos, para evitar entraves com o INPI, é muito importante contar com os serviços de uma empresa especializada. A Move On gerencia e cuida de toda a burocracia do registro de marca de uma maneira eficiente. Entre em contato e saiba tudo o que é preciso para registrar sua marca.