O que é análise de concorrência?

O que é análise de concorrência? O que é análise de concorrência?

Na hora de criar uma empresa ou mesmo para quem já tem o seu negócio estabelecido, é muito importante conhecer como os seus concorrentes estão se comportando. Dessa forma, você pode fazer estudos para encontrar diferenciais para se destacar e ser mais competitivo dentro do seu mercado. Conheça a análise de concorrência e como ela pode ajudar o seu negócio.

É bem provável que você esteja questionando se vale investir tempo e dinheiro na análise de concorrência. A resposta é sim, afinal, ela dá o suporte para que a sua empresa esteja sempre entre as melhores e consiga oferecer soluções e condições para os clientes, com uma boa pesquisa de mercado.

Em termos gerais, esse tipo de estudo pode ajudar a sua companhia a:

  • Aumentar as vendas;
  • Melhorar o seu faturamento;
  • Destacar sua a marca dentro do mercado;
  • Conhecer melhor a sua área.

Outro ponto importante é que a tomada de decisões ganha um forte embasamento, com as informações que vão ser coletadas. Além disso, esses dados contribuem para a construção do planejamento estratégico, somado aos demais fatores.

Como fazer uma análise de concorrência?

Existem muitas formas de fazer a análise de concorrência, seja de maneira mais simples, como olhar as demais empresas e suas redes sociais, até mesmo de modo mais completo. Confira o passo a passo para estruturar a sua:

Defina quem são os seus concorrentes

Esse é o primeiro passo e um dos mais importantes. Conhecer os seus concorrentes é fundamental para saber quais vão ser analisados. Você pode inserir, além das empresas que atuam no mesmo setor que o seu, as companhias que disputam o seu público. Um exemplo claro é se você tem ou pretende abrir uma hamburgueria. Pode colocar na análise uma pizzaria, porque as pessoas, normalmente, escolhem só um dos dois para jantar.

Selecione os objetivos de análise

O principal ponto de selecionar os objetivos de análise é direcionar suas forças e energias diretamente para um ponto específico. Dessa forma, o seu estudo será muito mais eficiente com um motivo bem definido.

Escolha os critérios a serem analisados

Após definir um objetivo, é importante escolher um critério a ser analisado. Por exemplo, se você vai analisar um marketplace concorrente, pode ver o número de acessos diários, quantas vendas são feitas por dia, entre outros. O importante a observar aqui é que o critério precisa fazer sentido com a sua análise, já que se for um dado qualquer, você vai apenas desperdiçar tempo e dinheiro.

Determine uma metodologia para o estudo

Nesse ponto, você deve estabelecer a forma que vai coletar, organizar e analisar os dados. Há diversas formas que você pode fazer isso, mas a mais comum é a análise SWOT, que coleta as Forças (Strenghts), Fraquezas (Weaknesses) Oportunidades (Opportunities), e Ameaças (Threats) de cada empresa concorrente, com estudos sobre fatores internos e externos de cada companhia.

Apresente os dados analisados

Como tudo analisado, é a hora de apresentar os resultados. É importante que pessoas de todos os setores façam parte desse momento, já que ela consegue dar uma indicação dos próximos passos da empresa. Com esse conhecimento, é possível determinar OKR, por exemplo, criar novos produtos ou até mesmo alterar o seu modelo de negócios.

Ferramentas para fazer a análise de concorrentes

Você pode usar algumas ferramentas para ajudar na sua análise de concorrência, elas apontam outros fatores que vão contribuir com o seu estudo.

  • Google Alerts: essa ferramenta gera alertas diários com os últimos conteúdos sobre o assunto que você escolher. Basta usar o seu cliente com o termo para acessar essas informações;
  • Reclame Aqui: muito usado por clientes para reclamar sobre as empresas, é possível conferir como anda o atendimento do seu concorrente e a forma com que ele resolve os problemas;
  • Clipping: o clipping é excelente para obter informações que estão fora da internet, como jornais, revistas e televisão.
  • Ubersuggest: essa ferramenta ajuda a conhecer os termos relacionados ao tráfego orgânico. Você consegue saber quais buscas levam ao seu concorrente, por exemplo.

Com todas essas informações, você tem condições de fazer uma boa análise de concorrência e se destacar ainda mais dentro do seu mercado. Mas para ter ainda mais segurança com a sua empresa, é importante registrar a sua marca.

Esse processo é feito junto ao Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI) e garante o uso exclusivo do nome e da identidade visual do seu negócio pelo período de 10 anos, fortalecendo a sua marca no mercado e impedindo, por exemplo, que outra pessoa utilize-a no mesmo nicho de atuação que o seu.

Nesse caso, é importante contar com os serviços de uma empresa especializada. A Move On gerencia e cuida de toda a burocracia do registro de marca de uma maneira eficiente. Entre em contato e saiba tudo o que é preciso para registrar sua marca.

O registro também protege a marca contra tentativas de roubo, fraudes ou uso indevido.

Solicite o seu registro de marca

A MARCA REGISTRADA GERA LUCRO À SUA EMPRESA!

A marca registrada é adicionada na contagem da mensuração do valor da empresa, aumentando o valor percebido perante investidores e valor final das ações, aplicações e vendas.

Fale com nossos especialistas
Register Logos

Inicie seu registro agora. É fácil e seguro

Transformamos um procedimento burocrático em uma experiência satisfatória.

É aqui que você vai ter tranquilidade e acompanhamento do início ao fim.

Nosso serviço é para todas as pessoas que possuem uma marca própria, seja você pessoa física ou jurídica, grande ou individual.

Nossas Redes Sociais

Nossos embaixadores de marca

Next

Mais de 26 mil seguidores no Instagram!

O que é análise de concorrência?

O que é análise de concorrência? O que é análise de concorrência?

Na hora de criar uma empresa ou mesmo para quem já tem o seu negócio estabelecido, é muito importante conhecer como os seus concorrentes estão se comportando. Dessa forma, você pode fazer estudos para encontrar diferenciais para se destacar e ser mais competitivo dentro do seu mercado. Conheça a análise de concorrência e como ela pode ajudar o seu negócio.

É bem provável que você esteja questionando se vale investir tempo e dinheiro na análise de concorrência. A resposta é sim, afinal, ela dá o suporte para que a sua empresa esteja sempre entre as melhores e consiga oferecer soluções e condições para os clientes, com uma boa pesquisa de mercado.

Em termos gerais, esse tipo de estudo pode ajudar a sua companhia a:

  • Aumentar as vendas;
  • Melhorar o seu faturamento;
  • Destacar sua a marca dentro do mercado;
  • Conhecer melhor a sua área.

Outro ponto importante é que a tomada de decisões ganha um forte embasamento, com as informações que vão ser coletadas. Além disso, esses dados contribuem para a construção do planejamento estratégico, somado aos demais fatores.

Como fazer uma análise de concorrência?

Existem muitas formas de fazer a análise de concorrência, seja de maneira mais simples, como olhar as demais empresas e suas redes sociais, até mesmo de modo mais completo. Confira o passo a passo para estruturar a sua:

Defina quem são os seus concorrentes

Esse é o primeiro passo e um dos mais importantes. Conhecer os seus concorrentes é fundamental para saber quais vão ser analisados. Você pode inserir, além das empresas que atuam no mesmo setor que o seu, as companhias que disputam o seu público. Um exemplo claro é se você tem ou pretende abrir uma hamburgueria. Pode colocar na análise uma pizzaria, porque as pessoas, normalmente, escolhem só um dos dois para jantar.

Selecione os objetivos de análise

O principal ponto de selecionar os objetivos de análise é direcionar suas forças e energias diretamente para um ponto específico. Dessa forma, o seu estudo será muito mais eficiente com um motivo bem definido.

Escolha os critérios a serem analisados

Após definir um objetivo, é importante escolher um critério a ser analisado. Por exemplo, se você vai analisar um marketplace concorrente, pode ver o número de acessos diários, quantas vendas são feitas por dia, entre outros. O importante a observar aqui é que o critério precisa fazer sentido com a sua análise, já que se for um dado qualquer, você vai apenas desperdiçar tempo e dinheiro.

Determine uma metodologia para o estudo

Nesse ponto, você deve estabelecer a forma que vai coletar, organizar e analisar os dados. Há diversas formas que você pode fazer isso, mas a mais comum é a análise SWOT, que coleta as Forças (Strenghts), Fraquezas (Weaknesses) Oportunidades (Opportunities), e Ameaças (Threats) de cada empresa concorrente, com estudos sobre fatores internos e externos de cada companhia.

Apresente os dados analisados

Como tudo analisado, é a hora de apresentar os resultados. É importante que pessoas de todos os setores façam parte desse momento, já que ela consegue dar uma indicação dos próximos passos da empresa. Com esse conhecimento, é possível determinar OKR, por exemplo, criar novos produtos ou até mesmo alterar o seu modelo de negócios.

Ferramentas para fazer a análise de concorrentes

Você pode usar algumas ferramentas para ajudar na sua análise de concorrência, elas apontam outros fatores que vão contribuir com o seu estudo.

  • Google Alerts: essa ferramenta gera alertas diários com os últimos conteúdos sobre o assunto que você escolher. Basta usar o seu cliente com o termo para acessar essas informações;
  • Reclame Aqui: muito usado por clientes para reclamar sobre as empresas, é possível conferir como anda o atendimento do seu concorrente e a forma com que ele resolve os problemas;
  • Clipping: o clipping é excelente para obter informações que estão fora da internet, como jornais, revistas e televisão.
  • Ubersuggest: essa ferramenta ajuda a conhecer os termos relacionados ao tráfego orgânico. Você consegue saber quais buscas levam ao seu concorrente, por exemplo.

Com todas essas informações, você tem condições de fazer uma boa análise de concorrência e se destacar ainda mais dentro do seu mercado. Mas para ter ainda mais segurança com a sua empresa, é importante registrar a sua marca.

Esse processo é feito junto ao Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI) e garante o uso exclusivo do nome e da identidade visual do seu negócio pelo período de 10 anos, fortalecendo a sua marca no mercado e impedindo, por exemplo, que outra pessoa utilize-a no mesmo nicho de atuação que o seu.

Nesse caso, é importante contar com os serviços de uma empresa especializada. A Move On gerencia e cuida de toda a burocracia do registro de marca de uma maneira eficiente. Entre em contato e saiba tudo o que é preciso para registrar sua marca.

Register Logos

Inicie seu registro agora. É fácil e seguro

Transformamos um procedimento burocrático em uma experiência satisfatória.

É aqui que você vai ter tranquilidade e acompanhamento do início ao fim.

Nosso serviço é para todas as pessoas que possuem uma marca própria, seja você pessoa física ou jurídica, grande ou individual.

A MARCA REGISTRADA GERA LUCRO À SUA EMPRESA!

A marca registrada é adicionada na contagem da mensuração do valor da empresa, aumentando o valor percebido perante investidores e valor final das ações, aplicações e vendas.

Fale com nossos especialistas

Nossos embaixadores de marca

Next

Mais de 26 mil seguidores no Instagram!